Harmonização entre peixes e vinhos: Saiba combinar

Harmonização entre peixes e vinhos: Saiba combinar pratos com o vinho ideal

Saber como fazer a harmonização entre peixes e vinhos é o caminho para uma experiência gastronômica cheia de sabor e requinte.

Se você quer ter uma experiência gastronômica mais enriquecedora, saber como fazer a harmonização entre peixes e vinhos é recomendável para garantir fazer a escolha da melhor bebida para servir com seu prato.

O grande desafio da combinação entre peixes e vinhos é valorizar os sabores da comida e da bebida, tornando cada refeição um momento especial e marcante. Vinhos acompanham sempre muito bem receitas com peixes, mas para aprender a fazer as melhores combinações entre eles, confira nossas dicas.

Regras de harmonização entre peixes e vinhos

Para muitos, a única regra para determinar qual vinho combina com peixe é que esses frutos do mar não devem ser servidos com tintos, mas isso é um equívoco.

Embora a maioria dos tipos de peixe realmente combine com vinhos brancos, para determinar a melhor harmonização entre peixes e vinhos é preciso considerar questões como a delicadeza, a cor da carne e o preparo.

Os vinhos brancos são sim a escolha mais certeira na hora de harmonizar essa bebida com pratos com peixe, mas há outros segredos sobre o assunto que você deve saber para fazer as melhores combinações.

O vinho que combina com peixe de cada tipo

Dizer qual a combinação ideal entre peixes e vinhos não é assim tão simples. Cada fruto do mar se harmoniza melhor com um tipo de bebida. Veja abaixo quais vinhos combinam com alguns peixes.

Peixes delicados

Peixes de sabor delicado como o robalo, o linguado, a tilápia e o haddock são muito bem acompanhados por vinhos brancos cítricos e frescos, como os feitos com as uvas Sauvignon Blanc, Verdejo, Pinot Grigio e Muscadet. Aqui a harmonização é feita por semelhança e peixe, acompanhamento e bebida devem ser delicados.

Peixes delicados

Truta, bagre, garoupa, bacalhau, halibute e tamboril, que são peixes de porte médio, pedem vinhos perfumados e de corpo médio, como o Chardonnay e o Chenin Blanc.

O bacalhau também aceita harmonização com vinhos tintos leves, frescos e frutados.

Peixes carnudos

Peixes carnudos, como o atum e o salmão fazem ótima combinação com vinhos de uva Chardonnay, Riesling e Gewurztraminer.

No caso do salmão, é bem importante considerar para a escolha da bebida o preparo do peixe. Quando servido cru, por exemplo, a harmonização perfeita será com um espumante Brut.

Peixes saborosos

Peixes de sabor mais forte, como a anchova e a sardinha, pedem a companhia de um bom espumante, como o Pinot Grigio, o Lambrusco Rosé, o Riesling seco e o Grenache Blanc para terem todo o seu gosto apreciado.

Quer saber mais sobre essa e outras dicas? Aqui no blog do Salad’s você encontra sempre as melhores dicas gastronômicas para enriquecer o seu dia!

Rolar para cima